domingo, 5 de agosto de 2012

Para o fim da dúvida e do medo


Meigo é o amor divino
Opulenta expressão de vida e abundância
Seu plano é confuso
Para os que perdem a confiança
Não se pode inventar um deus para cada incerteza

Contudo o plano se projeta no cosmos como uma esteira de luz
Disseminando ondas de harmonia em todos os quadrantes
A fim de impulsionar o desenvolvimento das criaturas

A paz é um reino de infinita beleza
De levezas indescritíveis que alcançam os seres
Quando é tempo de ser livre

Que esta gloriosa força cósmica ancestral
Possa contagiar os espíritos
Com arroubos de fé
A fim conjugar esforços
Para a libertação de muitos
Das garras do marasmo

Que a força se manifeste
E que o poder aumente.

Amado Eu Sou.

Um comentário:

Alegria disse...

Bem-aparecido de novo. Obrigada pelas supra doses de confiança dessas mensagens tão belas.

Adelina