domingo, 21 de julho de 2013

EU SOU EXTRATERRESTRE


Eu sou
Você é
Uma ser cósmico
A se mover pelo tempo
Atravessando as fronteiras da vida
Firmado na imortalidade

Para muitos
Viver não é novo
Pois como eu
São seres oriundos de outros mundos
Em prolongada jornada de aprendizado

Para outros que são vistos na Terra
A vida é tão recente
Em relação à escala cósmica
Que se mostram muito inexperientes
Ao lidar com suas próprias ações
Tumultuando assim sua existência futura

Há os que sequer desconfiam
Que a vida prossegue
Além da jornada terrena
Por considerar a imortalidade um grande absurdo
Mas existir vida
Nas condições materiais em que vivemos
É um absurdo muito maior
E no entanto existe

Todo ser que vive na Terra
É destinado a viver em outros mundos
Portanto
Dentro da relatividade das eras
Todo ser terrestre
É também extraterrestre
E um membro da família universal

Não é a raça
Não é o corpo
O que determina a expressão do ser pelas galáxias
É o sopro divino
O algoritmo original da vida
Que num dado momento
Deu-se conta de si mesmo
Sendo capaz de afirmar: EU SOU

E neste poder do ser consciente
Mutante
E ao mesmo tempo imortal
Reside o segredo da vida
Preservado na totalidade de tudo que há

Uma vez que algo existe
O nada tornou-se impossível
Na mesma proporção
Uma vez que a vida existe
A não-vida tornou-se também uma impossibilidade

É doce o mistério da luz
É amoroso o contexto do existir
Permeado de percepção
A escorrer pela eternidade
E nesta experiência única
Que se repete de múltiplas maneiras
Pela vastidão do universo
Eu Sou
Você É
Uma chama de cor cambiante
Uma nota musical na sinfonia cósmica
Uma luz que ama
A se definir
Da forma como a compreensão te leva

Eu sou
Você é
Extraterrestre
Porque para muito mais do que num só planeta
Será vivenciada a nossa imortalidade
Amando e aprendendo
Com força divina
Desfrutando o enigma da vida

*

Targon Darshan


3 comentários:

vanderlei kroning disse...

legAl !! vou postar lá na + ufobcecados !!

vanderlei kroning disse...

legAl !! vou postar lá na + ufobcecados !!

Charlles Cristiam disse...

Muito bom....Depois de sair deste mundo....com certeza irei dizer q eu morava no "grande jardim" que é o planeta Terra!